14 de out de 2011

O evangelho de hoje: Autêntico ou Sintético - Walter J. Chantry

Se algum desconhecido lhe perguntasse: “como faço para ir para o céu?”, o que você responderia? Tente responder essa pergunta agora, pare de ler um instante e responda a si mesmo o que você falaria? Quais seriam os tópicos da sua fala?

Eu confesso que o que eu falaria mudou significativamente depois de ler esse livro. Eu já presenciei e participei de diversas campanhas e eventos de evangelização. Nesses eventos centenas de pessoas tomaram uma “decisão por Cristo”. Não é fácil ler um livro que critica o que aceitamos. Mas eu aconselho, dê uma chance a esse livro, não o rejeite de cara. Seja um bereano!

Nossa igreja tem uma congregação em um bairro pobre de São José dos Campos. A um quarteirão de distância existe uma avenida chamada “Av. dos Evangélicos”. Nela existe uma igreja em cada esquina (estou exagerando, claro). Interessante que existe a mesma quantidade de bares. No bairro predomina a violência, a imoralidade, as drogas, o alcoolismo, etc.

Por que há tantos “evangélicos” e tão pouca mudança de vidas e da sociedade?

A provável resposta é que a tradição, a falta de um ensino bíblico e o pragmatismo (seguir uma “receita de bolo” para alcançar um resultado) tem dominado as igrejas evangélicas.

Walter Chantry diz no livro: “Temos herdado um sistema de pregação evangelística que não é bíblico. Esta tradição nem mesmo é antiga ... São inovações recentes. Pior ainda, não procedem das Escrituras...”

O autor é especifico para o método de evangelização atual: “Você acredita que é um pecador? Acredita que Cristo morreu em favor dos pecadores? Você aceita a Jesus como seu Salvador pessoal? Agora, faça essa oração junto comigo... Então, o evangelista ... assegura ao pecador, com toda a autoridade de Deus, que ele acaba de ser salvo... Assim, eles demonstram que ‘aceitar a salvação’ requer somente uma resposta externa e uma simples oração... Esta prática [é] herética e destruidora de almas...”

Mas Deus, na sua misericórdia, pode salvar pessoas assim. O Pr. Paul Washer na famosa “pregação chocante” diz que Deus não salva por causa desse tipo de pregação, mas apesar desse tipo de pregação.

Mas como devemos evangelizar então? Como Jesus e os apóstolos evangelizavam? Como são as conversões na Bíblia?

No capítulo 10 do evangelho de Marcos, o próprio Jesus responde àquela primeira pergunta no início desse post. Através da história do “jovem rico”, Walter Chantry vai explicar como evangelizar biblicamente, expondo os “elementos essenciais à pregação do evangelho, os quais podem ser encontrados em todas as partes do Novo Testamento.”

O livro é útil também para analisarmos a nossa própria conversão (II Co 13:5).

Recomendo essa leitura. Não tenha medo de buscar a verdade mesmo se precisar quebrar com tradições e paradigmas! Que busquemos a glória de Deus e amemos as almas perdidas!

Você pode adquiri-lo aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...